Senado italiano adia decisão sobre possível derrubada do governo

  • Por Jovem Pan
  • 14/08/2019 07h39
EFEPesquisas apontam que líder do partido conservador ganharia novas eleições

O Senado da Itália deixou para depois a votação de um pedido para antecipar as eleições no país. Atualmente, a coalizão que governa é formada pelo partido da direita conservadora, Liga, e a organização de esquerda, o Movimento 5 Estrelas.

Os dois encontram dificuldades para entrar em consenso, principalmente sobre um projeto que ligaria a França e a Itália com uma linha de trem de alta velocidade.

Com esse racha, o ministro do Interior e líder da Liga, Matteo Salvini, entrou com uma moção de desconfiança, que poderia derrubar a atual coalizão governista. Os senadores dos partidos conservadores e nacionalistas apoiaram o pedido, mas o Movimento 5 estrelas conseguiu adiar a votação.

O grupo conseguiu apoio da oposição e derrubou o debate até que o premiê, Giuseppe Conte, vá ao Senado para debater com os parlamentares. Ele deve se apresentar à Casa na terça-feira que vem.

O líder do partido Liga e responsável pela moção quer se reunir com partidos nacionalistas para propor alianças eleitorais. De acordo com pesquisas de opinião, Matteo Salvini ganharia as eleições e poderia governar com um partido pequenos e da direita, o Fratelli d’Italia.

*Com informações da repórter Nanny Cox