Setor de shoppings projeta crescimento de 7% em 2020

  • Por Jovem Pan
  • 31/01/2020 07h17 - Atualizado em 31/01/2020 07h18
Arquivo/Agência BrasilPara 2020, o setor aposta em crescimento de 7% nas vendas e previsão de 19 inaugurações -- o maior número desde 2014

A Associação Brasileira de Shopping Centers registrou crescimento de 3,1% nas vendas do Natal — no período de 19 a 24 de dezembro. No mês, a alta foi de 5,5%.

O presidente da Abrasce, Glauco Humai, avalia o faturamento em 2019. “O resultado de 2019 foi bastante positivo para o setor. Tinhamos uma expectativa de crescer 7% e crescemos 7,9%. Então o resultado foi bastante robusto no ano.”

A forte crise a partir de 2013 paralisou investimentos e aumentou a vacância nos shoppings. Mas, agora, o presidente da Abrasce, Glauco Humai, avalia que o Brasil vai retomar outro momento econômico no país.

“A gente tem retomado aos poucos padrões pré-*crise. Ainda é um movimento que vai demorar algum tempo. Mas ano a ano o setor tem crescido acima da inflação, acima do PIB, acima de setores correlatos como varejo, franquias, indústria têxtil.”

O faturamento dos 577 shoppings do Brasil atingiu R$ 192 bilhões. Em 2018 a alta chegou a 6,5%.

A Abrasce credita o resultado ao crescimento das vendas em datas comemorativas à queda de juros, a gradual retomada da economia e a confiança do consumidor.

Para 2020, o setor aposta em crescimento de 7% nas vendas e previsão de 19 inaugurações — o maior número desde 2014.

*Com informações do repórter Marcelo Mattos