Skaf aponta trens como solução para o transporte entre municípios paulistas

  • Por Jovem Pan
  • 29/08/2018 09h08
Marcello Casal Jr/Agência BrasilO candidato do MDB disse que essa ideia, projetada para pleno funcionamento em 2025, usaria recursos de concessões ou parcerias público-privadas

Paulo Skaf, candidato ao governo de São Paulo pelo MDB, cumpriu agenda de campanha em Campinas, nesta terça-feira (28).

A pauta da visita à Estação Cultura, antiga estação da Fepasa que virou centro cultural, foi sobre a questão da mobilidade urbana.

Paulo Skaf assegurou que, sendo eleito, fará investimento no modal ferroviário de cargas e passageiros, com linhas que interligarão a região metropolitana de São Paulo a Campinas, Sorocaba, São José dos Campos e Santos.

O candidato do MDB disse que essa ideia, projetada para pleno funcionamento em 2025, usaria recursos de concessões ou parcerias público-privadas, atenderia 180 mil passageiros por dia e desafogaria as rodovias que levam a capital paulista.

De acordo com Skaf, atualmente as ferrovias paulistas estão subutilizadas, apenas para transporte de mercadorias, e em estado precário.

Questionado sobre segurança pública, o candidato criticou a postura do chefe do executivo paulista, dizendo que o governador de São Paulo, pelo porte do estado, deve ter liderança política suficiente para aprovar leis sobre o assunto no Congresso Nacional.

Nesta quarta-feira, o candidato do MDB cumpre agenda nas cidades de Suzano e Mogi das Cruzes, onde visitará unidade do Sesi, o Mercado Municipal e fará caminhadas com apoiadores.

*Informações do repórter Fernando Martins