Skaf diz que, se eleito governador de SP, irá mudar parcelamento do IPVA

  • Por Jovem Pan
  • 18/09/2018 06h53 - Atualizado em 18/09/2018 08h15
Charles Sholl/Estadão Conteúdo“Se em algum momento houver condição de forma responsável e equilibrada de reduzir impostos farei com maior prazer", disse

O candidato do MDB ao governo de São Paulo, Paulo Skaf, apresentou suas propostas na Federação das Associações Comerciais de São Paulo nesta segunda-feira (17), e criticou os governos tucanos nas áreas de educação, segurança. O emedebista avalia que o Estado precisa estar preparado para a quarta revolução no emprego.

Skaf prometeu a redução de impostos e a desburocratização tributária no Estado para a geração de empregos e descartou a necessidade do aval do Congresso para adotar as medidas.

O candidato do MDB afirmou ainda que vai mudar o parcelamento do IPVA: “se em algum momento houver condição de forma responsável e equilibrada de reduzir impostos farei com maior prazer. Quanto ao IPVA, temos estudo para parcelar em seis vezes. As três primeiras ficariam para Prefeituras e as outras para o governo do Estado”.

Na sequência, Skaf visitou Campinas e Itu. Nesta terça-feira (18), o candidato do MDB tem agenda nas obras do Rodoanel, em Arujá, e depois segue para encontro com lideranças, em Guarulhos.

Confira a cobertura completa das Eleições 2018

*Informações do repórter Marcelo Mattos