Problema no e-SUS atrapalha contagem de casos de Covid-19 em SP

  • Por Jovem Pan
  • 19/06/2020 06h43 - Atualizado em 19/06/2020 08h09
EFE/José JácomeA taxa de ocupação de leitos de unidade de terapia intensiva (UTI) na Grande São Paulo é de 71% e no Estado esse índice é de 67%, se mostrando estável nas últimas semanas

Pelo segundo dia seguido, o estado de São Paulo não contabilizou os novos casos leves de Covid-19 devido a uma instabilidade no sistema de notificações do Ministério da Saúde, o e-SUS. A ausência dos dados faz com que o total de confirmações nas últimas 24h seja referente apenas a pacientes internados, que são contabilizados em outro mecanismo.

De quarta pra quinta feira, foram 1.111 confirmações de casos leves segundo dados publicados nesta quinta-feira (18). Segundo o secretário estadual da Saúde, José Henrique Germann, o problema no sistema também atinge outros estados.

A taxa de ocupação de leitos de unidade de terapia intensiva (UTI) na Grande São Paulo é de 71% e no Estado esse índice é de 67%, se mostrando estável nas últimas semanas. Já em algumas cidades do interior, como Campinas e Sorocaba, a situação é de sobrecarga no sistema de saúde e alta taxa de ocupação dos leitos, como explica o secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi.

O governo chamou atenção ainda para o impacto na saúde mental da população, principalmente entre os profissionais da saúde. De acordo com a gestão estadual, o malefício se deve a vários fatores como o distanciamento social, receio de contrair a doença, experiência de doença grave ou o luto.

*Com informações do repórter Victor Moraes