SP quer, em um ano, concluir obra para evitar que esgoto de 13 bairros chegue ao Rio Tietê

  • Por Jovem Pan
  • 08/03/2019 09h08
Felipe Rau/Estadão ConteúdoUm túnel em escavação de 18 metros de profundidade sai da avenida do Estado, na altura da ponte da Casa Verde, e deve levar o material até a Estação de Tratamento de Barueri

O governo do Estado e a Prefeitura de São Paulo esperam concluir dentro de um ano uma obra que vai evitar que o esgoto de 13 bairros da Capital seja lançado no rio Tietê.

Um túnel em escavação de 18 metros de profundidade sai da avenida do Estado, na altura da ponte da Casa Verde, e deve levar o material até a Estação de Tratamento de Barueri. A tubulação vai fazer a captação e o envio do esgoto das regiões da Bela Vista, Consolação, Vila Buarque República, Luz, Sé, Liberdade, Ipiranga e Sacomã, entre outros bairros próximos.

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, que vistoriou a obra nesta quinta-feira (07), disse que a meta da cidade para 2024 é alcançar 97% da população com coleta de esgoto.

O secretário estadual de Infraestrutura e Meio Ambiente também trabalha com o primeiro trimestre de 2020 para a entrega da obra que foi vistoriada nesta quinta. Marcos Penido afirmou que a gestão tem como meta a despoluição do rio Tietê, mas para esse objetivo ele preferiu não trabalhar com datas.

Os trabalhos vêm desde 2016 e tiveram um investimento de R$ 350 milhões até agora.

A tubulação integra o Projeto Tietê, uma série de obras da Sabesp que busca a despoluição do rio desde 1992.

*Informações do repórter Tiago Muniz