TCE cobra governo sobre irregularidades nas merendas

  • Por Jovem Pan
  • 19/08/2017 12h38 - Atualizado em 19/08/2017 12h38
Frutas estragadas encontradas pelo TCE em vistorias em escolas

Após vistoria apontar falhas graves na merenda, o Tribunal de Contas quer explicações do Estado e dos municípios.

Fiscalização realizada pelo órgão nesta semana detectou problemas no armazenamento de alimentos, que seriam consumidos pelos alunos.

Entre as falhas estão alimentos fora do prazo de validade, latas de comidas enferrujadas, geladeiras desligadas, goteiras e até a presença de pombos.

Foram vistoriadas 250 escolas, sendo 157 municipais, 82 estaduais e 11 técnicas em 210 cidades paulistas.

Cinco por cento dos colégios possuem estoques fora do prazo e 23,2% não armazenam os alimentos de forma apropriada.

O presidente do Tribunal de Contas do Estado, Sidney Beraldo, ressalta que os gestores de Educação deverão apresentar explicações. Ouça:


Houve ainda flagrantes de extintores de incêndio vencidos e 90,4% das unidades não tinham o Alvará do Corpo de Bombeiros.

Reportagem de Anderson Costa