Temer prepara transição para próximo Governo e admite suspender intervenção no RJ

  • Por Jovem Pan
  • 26/09/2018 08h55
Beto Barata/PRDurante a abertura da assembleia Geral da ONU, o presidente ressaltou que deixa o Brasil em uma situação muito melhor do que recebeu

O presidente Michel Temer explicou nesta terça-feira (25), antes de deixar os Estados Unidos, que a equipe dele já está preparando a transição para o próximo Governo que for eleito em outubro.

Segundo Temer, todos os ministérios vão apresentar informações detalhadas sobre a situação atual e o que foi feito nos dois últimos anos. O presidente disse ainda que a ideia também é assim que o novo presidente seja conhecido já comecem as negociações para que possa se avançar na proposta de aprovação da reforma da Previdência.

Como não é possível voltar uma PEC com a intervenção na segurança do Rio de Janeiro, o presidente admite que já busca soluções para isso. Segundo ele, no entanto, ainda será preciso manter uma estrutura no Rio de Janeiro mesmo com o fim da intervenção.

Durante a abertura da assembleia Geral da ONU, o presidente ressaltou que deixa o Brasil em uma situação muito melhor do que recebeu e garantiu que as instituições continuam funcionando normalmente apesar da crise.

Ainda de acordo com o presidente, a alternância de poder é importante para a democracia. Durante o discurso na ONU ele ainda criticou o que chamou de medidas isolacionistas, intolerâncias e recaídas unilaterais que ganham força no cenário internacional.

*Informações da repórter Luciana Verdolin