Temperatura cai bruscamente por conta de tempestade e causa transtornos na Europa

  • Por Ulisses Neto/Jovem Pan
  • 27/02/2018 10h05
EFETrês pessoas morreram por causa das temperaturas negativas em Vilnius, capital da Lituânia, durante o final de semana

O continente europeu está sendo atingido por uma tempestade que fez os termômetros despencarem nos últimos dias e que deve continuar trazendo dores de cabeça até o final da semana.

Três pessoas morreram por causa das temperaturas negativas em Vilnius, capital da Lituânia, durante o final de semana.

Na Estônia, a expectativa é de que os termômetros cheguem a 29 graus negativos nesta semana.

Roma, na Itália, registrou a maior nevasca dos últimos seis anos. Escolas tiveram que ser fechadas ao redor do país por causa das condições adversas.

Os meteorologistas da França apontam que as temperaturas no país estão até dez graus abaixo da média histórica para essa época.

Em Bruxelas, na Bélgica, onde os termômetros marcaram dez graus negativos durante a noite, a prefeitura de uma região da capital decidiu forçar a remoção de moradores de rua. A polícia foi autorizada inclusive a prender aqueles que se recusarem a ir para um abrigo da cidade.

Mais de cem escolas ao redor da Inglaterra também amanheceram fechadas hoje e como de costume os trens do país estão sendo afetados por atrasos e cancelamentos.

Mais de 60 voos da companhia British Airways que sairiam do aeroporto de Heathrow nesta manhã foram cancelados.

Tecnicamente a primavera deve começar nesta quinta, mas o frio intenso ainda vai continuar pelo menos até o fim da semana por aqui.