Temperatura dos oceanos cresceu 450% nos últimos 60 anos

  • Por Jovem Pan
  • 14/01/2020 07h12
EFEpesquisa publicada na revista Advances in Atmospheric Sciences aponta que as águas absorveram grande parte do aquecimento global

A temperatura média dos oceanos subiu pelo terceiro ano seguido e bateu novo recorde em 2019. Segundo estudo internacional divulgado nesta segunda-feira (13), as águas estiveram estiveram 0,075º C mais quentes.

Nas últimas seis décadas, a temperatura subiu 450%, levando a uma elevação de 46 milímetros no nível do mar.

A pesquisa publicada na revista Advances in Atmospheric Sciences aponta que as águas absorveram grande parte do aquecimento global. Segundo os cientistas, é como se o mar tivesse retido o calor liberado pela explosão de 3,6 bilhões de bombas atômicas — como a de Hiroshima.

A meteorologista da Somar, Patrícia Vieira, explica a relação da temperatura dos oceanos com o clima na terra.

“O oceano tem uma influencia direta com a atmosfera. Sempre que você tem mais energia provocada pelos oceanos, você tem mais energia na atmosfera — o que acaba levando a formação de nuvens e de tempestades”

Segundo Patricia Vieira, uma das principais consequências do aquecimento das águas do mar é o derretimento das geleiras.

“O que se sabe no momento é que quando você tem um oceano mais quente, você acaba favorecendo o derretimento de geleiras de maneira mais acentuada, o que acaba elevando o nível médio dos mares.”

A pesquisa também relaciona os grandes incêndios registrados em 2019 na Califórnia, Amazônia e Austrália ao aumento da temperatura oceânica.

*Com informações da repórter Livia Fernanda