Tiroteio interrompe circulação do BRT em Jacarepaguá e assusta passageiros

  • Por Jovem Pan
  • 08/11/2018 06h17
ReproduçãoPor conta dos confrontos na favela Bateau Mouche, a estação do BRT na região ficou fechada por cerca de duas horas

Foi uma quarta-feira (07) com muitos casos de violência no Rio de Janeiro. Cenas divulgadas em redes sociais chamaram a atenção para passageiros que estavam em uma estação do BRT na região do Tanque, em Jacarepaguá, se escondendo de tiroteios entre policiais e traficantes.

Os passageiros se jogaram ao chão e aqueles fora de ônibus esconderam-se atrás de muretas de concreto. Por conta dos confrontos na favela Bateau Mouche, a estação do BRT na região ficou fechada por cerca de duas horas.

Também teve tiroteio nesta quarta-feira durante a desativação da base da UPP Coroa/Falé/Fogueteiro/Mineira. Mais de 1,2 mil homens foram mobilizados para esta operação.

Houve confrontos, tiroteios, apreensões e prisões. É a sétima UPP que está sendo desativada pelos militares da intervenção, que tem como objetivo realocar os homens das UPPs para batalhões e quartéis do Rio de Janeiro.

Em outro caso, 15 militares das Forças Armadas ficaram feridos depois de um acidente envolvendo dois veículos pesados do Exército, em São Gonçalo, na região metropolitana.

A PRF foi acionada. Treze militares tiveram lesões leves, mas dois tiveram ferimentos graves e precisaram ser internados.

*Informações do repórter Rodrigo Viga