Três tipos de sangue estão em falta nos hemocentros de SP

  • Por Jovem Pan
  • 28/12/2019 07h45 - Atualizado em 28/12/2019 07h46
SESA SESA Além da Fundação Pró-Sangue e hemocentros vinculados às secretarias estaduais, hospitais particulares também fazem a coleta

Três tipos de sangue estão em falta no estoque da Fundação Pró-Sangue: O+, O- e B- estão em níveis críticos no hemocentro do estado de São Paulo. O tipo A-  está em estado de alerta para possível desabastecimento.

A médica da Fundação Pró-sangue, Renata Barros, explica que a Virada do Ano é uma época preocupante nos hemocentros: “Estamos em um período crítico por conta das festas, dos feriados e férias e nessa época cai o nosso número de doadores de sangue”, afirma.

Além da Fundação Pró-Sangue e hemocentros vinculados às secretarias estaduais, hospitais particulares também fazem a coleta. Renata alerta para os requisitos da doação.

“É preciso ter entre 16 e 69 anos, ter mais que 50kg, estar em boas condições de saúde, não ter hepatite acima dos 10 anos de idade, não ter feito endoscopia ou colonoscopia — algum exame invasivo nos últimos seis meses –, não ter recebido vacina de sarampo ou febre amarela nos últimos 20 dias.”

Moradores de São Paulo podem agendar a coleta pelo site da Fundação Pró-sangue. O site do ministério da Saúde tem a relação completa de hemocentros em todas as regiões do país.

* Com informações da repórter Nanny Cox