Trump abandona reunião após democratas negarem apoio para construção de muro

  • Por Jovem Pan
  • 10/01/2019 07h05
EFETrump aproveitou para reforçar que o partido Republicano está unido e que, por enquanto, o único problema do país é a questão da fronteira

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, abandonou uma reunião com representantes democratas depois que eles negaram apoio a construção do muro na fronteira. O encontro tinha como objetivo conciliar as posições e tentar pôr fim à paralisação do governo, que chegou ao 20º dia.

Pelo Twitter, Donald Trump classificou como perda de tempo a reunião com a presidente da Câmara Nancy Pelosi e o líder democrata Chuck Schumer. De acordo com o vice-presidente Mike Pence, Trump perguntou a Pelosi se ela promoveria o financiamento da construção do muro caso ele abrisse o governo. Depois da negativa, Trump se levantou e deixou a reunião.

Mais cedo, o presidente norte-americano já tinha dado indícios de que as discussões não avançariam se não houvesse apoio a construção do muro na fronteira com o México.

Ao assinar a legislação contra tráfico humano, Donald Trump relacionou este problema com a questão das fronteiras. Ele disse que o tráfico de pessoas e de substâncias ilícitas só pode ser parado com algo poderoso, como o muro de aço. Trump completou que tem autonomia e direito de decretar emergência nacional se o Congresso não apoiar a construção.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, aproveitou para reforçar que o partido Republicano está unido e que, por enquanto, o único problema do país é a questão da fronteira.

*Informações da repórter Nanny Cox