Tucano, presidente da Alesp critica gestão de Márcio França: “inabilidade política”

  • Por Jovem Pan
  • 30/07/2018 08h32
Reprodução/FacebookMacris criticou ainda a inabilidade política do pessebista e disse esperar que o Estado “continue na linha” do que sempre existiu

Defensor da candidatura de João Doria ao Palácio dos Bandeirantes, o presidente da Assembleia Legislativa de São Paulo, Cauê Macris (PSDB), admitiu estar preocupado com a atual gestão do governador Márcio França (PSB) no Estado.

Em entrevista exclusiva ao Jornal da Manhã, Macris criticou ainda a inabilidade política do pessebista e disse esperar que o Estado “continue na linha” do que sempre existiu.

“Confesso que estou preocupado. Primeiro por inabilidade política que ele tem com o legislativo, falta diálogo, a Alesp não está conseguindo votar nada. Isso por conta de falta de conversa. Segundo em relação aos gastos públicos. Vemos crescimento grande de promessas com finalidade eleitoral. Terceiro o loteamento político com finalidade eleitoral”, disse.

Macris reiterou que é preciso diálogo entre o governador de SP e a Assembleia: “você precisa ter diálogo, todo governador precisa dialogar com todas as correntes. As que estão com você e as que divergem. O secretário da Casa Civil nunca foi na Alesp, a gente começa a ver inabilidade política. A gente tem muita maturidade de saber o que é necessário e bom pro Estado. Esperamos que São Paulo continue na linha do que sempre existiu. Essa tem sido a postura do legislativo”, finalizou.

Confira a entrevista completa com o presidente da Alesp, Cauê Macris: