Usina de Itaipu aumenta produção para ajudar Argentina

  • Por Jovem Pan
  • 21/04/2020 07h17 - Atualizado em 21/04/2020 08h29
Kelsen Fernandes/ Fotos PúblicasO motivo da composição aconteceu para ajudar a Argentina a transportar sua produção de soja

O Brasil vai auxiliar o governo argentino a garantir o transporte de soja. Após muita pressão da Argentina, aconteceu uma composição envolvendo o ministério de relações internacionais argentino, do Brasil, integrantes do ONS (Operação Nacional do Sistema), a cúpula da Usina Hidrelétrica Binacional de Itaipu e a companhia de energia elétrica Copel.

O motivo da composição aconteceu para ajudar a Argentina a transportar sua produção de soja. O que ocorre é que os rios usados no transporte e desova da produção estão em um nível muito baixo. Por isso, as embarcações de grande porte estavam impedidas de entrar no Rio Paraná, principal fluxo para transporte na região, ou estavam transportando cargas limitadas.

Atualmente, a Argentina vive um momento econômico e financeiro difícil e a soja é o principal produto agrícola do país. Com isso, o país pediu ajuda ao governo brasileiro e, após algumas negativas, houve o acordo para que as usinas liberem mais água e usina de Itaipu consiga produzir mais energia.

A água liberada em maior quantidade passará pelas turbinas e vão encher o rio Paraná, fundamental para o escoamento da produção argentina e venda externa do produto.

*Com informações do repórter Rodrigo Viga