Vistoria em presídio feminino no RJ apreende celulares, drogas e carregadores

  • Por Jovem Pan
  • 22/01/2019 06h18 - Atualizado em 22/01/2019 06h18
Divulgação/Seap De acordo com a Secretaria de Administração Penitenciária esta foi a primeira ação com grandes apreensões em unidade prisional voltada para mulheres

Em uma vistoria nesta segunda-feira (21), agentes penitenciários encontraram uma verdadeira fartura dentro do presídio Talavera Bruce, no Complexo Penitenciário de Gericinó, no Rio de Janeiro.

Foram apreendidos chips de celulares, fones de ouvido, carregadores, drogas, aparelhos celulares e ferramentas. De acordo com a Secretaria de Administração Penitenciária esta foi a primeira ação com grandes apreensões em unidade prisional voltada para mulheres.

As denúncias de que materiais irregulares estava dentro da cadeia foram feitas pelo Disque-Denúncia, serviço que trabalha em parceria com a Secretaria de Segurança Pública.

Os agentes penitenciários encontraram mais de 101 saquinhos de erva seca, parecida com maconha, sete chips, cinco fones de ouvido, seis carregadores e seis aparelhos celulares.

*Informações do repórter Rodrigo Viga