Witzel ainda não definiu candidato para apoiar na disputa pela prefeitura do RJ

  • Por Jovem Pan
  • 25/02/2020 08h59 - Atualizado em 25/02/2020 09h02
WILTON JUNIOR/ESTADÃO CONTEÚDOEla é alinhada com o ex-juiz e atual governador do Rio de Janeiro e, até pouco tempo, atuava como desembargadora no Tribunal Regional Eleitoral do RJ

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, ainda está buscando um nome para apoiar nas eleições municipais de 2020. O nome predileto é o da juiza Glória Heloíza, mas ele estaria encontrando certa dificuldade para convencê-la a largar a magistratura.

Ela é alinhada com o ex-juiz e atual governador do Rio de Janeiro e, até pouco tempo, atuava como desembargadora no Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro. Essa é uma eleição especial que tende a nacionalizar na cidade, afinal de contas o atual prefeito, Marcelo Crivella, está cada vez mais próximo do presidente Jair Bolsonaro.

Uma chapa envolvendo Helio Negrão e Crivella é uma das possibilidades. Há quem diga também que o presidente estaria tentando convencer o titular da Lava Jato no Rio de Janeiro, Marcelo Bretas, a assumir a cabeça de chapa. Porém, nas redes sociais, Bretas já avisou que não pretende largar a magistratura.

Outra candidatura já consolidada é a do ex-prefeito Eduardo Paes, que tem o apoio do presidente da Câmara, Rodrigo Maia. Ele perdeu a ultima eleição a nível estadual para Wilson Witzel.

Uma terceira candidatura já anunciada é a de Marcelo Freixo, do Psol. Ele é muito ligado a nomes expoentes do PT como os ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff.

*Com informações do repórter Rodrigo Viga