Alckmin antecipa em uma semana campanha de vacinação contra febre amarela

  • Por Jovem Pan
  • 16/01/2018 16h04
Fotos Públicas/Alexandre Carvalho/A2imgDe acordo com o governador, 7 milhões de pessoas serão vacinadas nesse mutirão, que acontecerá em 54 cidades do Estado. São Caetano foi a última a entrar na lista.

O governador Geraldo Alckmin disse nesta terça-feira, 16, que a campanha de vacinação contra a febre amarela vai ser antecipada em uma semana. Antes, ela começaria no dia 3 de fevereiro, e agora começará em 29 de janeiro e seguirá até 17 de fevereiro, encerrando também uma semana antes.

“A campanha ia começar no dia 3 de fevereiro e iria até 23 de fevereiro. Estamos antecipando em uma semana. Então, ao invés de começar no dia 3, vai começar no dia 29 de janeiro”, afirmou o governador, em evento da secretária de Educação nesta terça-feira, na zona norte de São Paulo.

De acordo com o governador, 7 milhões de pessoas serão vacinadas nesse mutirão, que acontecerá em 54 cidades do Estado. São Caetano foi a última a entrar na lista.

São Paulo vai receber nesta terça-feira metade das doses prometidas pelo governo federal – 500 mil. A segunda leva deve chegar ainda nesta semana. “Hoje chegam as primeiras 500 mil doses, fora as do mutirão. O importante é não ter pânico e correria. Toda a população será vacinada até o fim do ano”, disse.

Ouça parte da fala do governador e confira mais informações sobre a febre amarela com o repórter Fernando Martins ao Jornal Jovem Pan:

Com informações de Estadão Conteúdo