Dez crianças permanecem em abrigos nos EUA, informa Itamaraty

  • Por Natacha Mazzaro/Jovem Pan
  • 26/07/2018 15h26
Reprodução/CBSCrianças separadas dos pais nos Estados Unidos

O Itamaraty divulgou nesta quinta-feira que dez crianças brasileiras que foram separadas de seus pais ao entrarem ilegalmente nos Estados Unidos, continuam em abrigos americanos. Quatro dos menores estão em centros de Chicago e outros seis estão em Houston.

Em nota, o Itamaraty informou também que 39 crianças deixaram os abrigos e foram reunidas com os pais ou responsáveis nas últimas duas semanas.

Ainda segundo o órgão, há “vários outros” processos administrativos de reunificação familiar em fase final, que estão sendo acompanhados pelos consulados brasileiros.

Lembrando que abril deste ano, o governo americano passou a separar crianças dos pais que entravam ilegalmente no país pela fronteira com o México.

Os adultos eram levados para prisões e os menores para abrigos. A medida causou polêmica e, em junho, Donald Trump assinou uma ordem para acabar com a separação de famílias.

O governo norte-americano tinha até o dia 26 de julho para reunir 2.551 crianças de 5 a 17 anos de idade que foram separadas dos pais.

No último sábado, o governo divulgou que tinha conseguido reunir 450 crianças dessa faixa de idade até a última sexta-feira.

O prazo foi estabelecido por um juiz da corte de San Diego, na Califórnia, onde corre um processo contra o governo americano.

Representantes da administração de Donald Trump devem apresentar à corte até o fim desta quinta-feira um balanço atual do processo de reunificação das famílias.