MPF pede bloqueio de R$ 3,8 bilhões de dono da JBS

  • Por Jovem Pan
  • 07/02/2017 07h07
Data: 20.03.2013 Local: Sao Paulo, SP Cliente: JBS Assunto: Ensaio fotografico atual para banco de imagem da JBS. Assistente: Leonardo Reis Fotografo: Julio BittencourtJBS

Ministério Público Federal pede à Justiça o bloqueio de bens e o afastamento de Joesley Batista, dono de holding que controla a empresa de carnes JBS, por descumprimento firmando no ano passado com a força-tarefa da Operação Greenfield.

A Procuradoria contestou as atitudes de Batista, afirmando que ele violou “os deveres anexos à boa-fé processual”.

O MPF pede ainda para que o acordo celebrado em setembro do ano passado, que desbloqueou bens congelados por ordem judicial, seja cancelado, retornando, portanto, todas as medidas da época.

Entre elas, o bloqueio dos bens, ativos, contas bancárias, títulos mobiliários e investimentos para recompor cerca de R$ 3,8 bilhões (prejuízo causado aos fundos de pensão) e a suspensão do exercício do cargo e de qualquer função de direção, tanto de Batista quanto de José Carlos Grubisich, executivo da Eldorado, nas empresas.

A Procuradoria ainda pede a proibição de que os dois se ausentem de suas cidades de domicílio e a apreensão dos respectivos passaportes.

Entretanto, a Justiça ainda precisa tomar uma decisão sobre as solicitações da Procuradoria para que os bloqueios e as demais medidas passem a valer.

*Informações do repórter Felipe Palma