Na Alemanha, Ivanka Trump é criticada por falar de “feminismo” do pai

  • Por Jovem Pan
  • 26/04/2017 09h34
Ivanka Trump - efe

Em evento sobre empoderamento das mulheres, Ivanka Trump recebe críticas ao falar sobre o “feminismo” do pai, Donald Trump.

Antes mesmo de discursar por cinco minutos, Ivanka pôde ouvir burburinhos e comentários que surgiram na plateia.

O evento aconteceu terça-feira, em Berlim, e o convite à filha do republicano foi feito pela chanceler alemã Angela Merkel.

O assunto do debate vai em confronto com comentários sexistas e vulgares já feitos por Trump no passado.

Quando a filha disse que Donald Trump era um “tremendo campeão” dos direitos das famílias, risos, comentários e até gargalhadas surgiram.

Ela disse que está muito orgulhosa sobre a política do pai, até muito antes de ele assumir a presidência, mas durante a campanha, inclusive nas primárias. Ivanka disse que ele tem sido um “tremendo campeão” para apoiar as famílias e capacitá-las para prosperar…”

Ela acabou sendo interrompida pela moderadora do evento, a jornalista Miriam Merkel, que a questiona sobre as declarações polêmicas do pai em relação às mulheres.

Ivanka disse que certamente ouviu as críticas da mídia e que isso continua, mas afirmou que sabe, por experiência própria, que as milhares de mulheres que trabalharam com ele e para ele durante décadas são testemunhas de que Trump acredita potencial das mulheres.

Ivanka Trump falou sobre igualdade de salários e lembrou políticas úteis para as mulheres. Ela também criticou que os Estados Unidos não têm uma política de licença familiar remunerada.

O convite à Ivanka foi uma tentativa de Angela Merkel para estreitar os laços entre Alemanha e Estados Unidos.

Confira as informações da repórter Marcella Lourenzetto: