Oposição na Alerj quer CPI para investigar presidente da Casa, Jorge Picciani

  • Por Jovem Pan
  • 30/03/2017 07h50
Jorge Picciani

A oposição na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro quer o afastamento do presidente da Casa, Jorge Picciani, e até mesmo a abertura de uma CPI para investigá-lo.

Picciani foi alvo de condução coercitiva nesta quarta-feira (29) e prestou depoimento na PF por cerca de três horas dentro da Operação Quinto do Ouro, que fez um estrago no Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro.

Segundo as investigações, a maioria dos conselheiros recebia propina para autorizar contratos e empreendimentos, entre elas obras da Copa, dos Jogos Olímpicos etc.

O secretário Henrique Afonso foi alvo da operação, com mandado de busca e apreensão cumprido no gabinete dele, no Palácio Guanabara.

Dos sete conselheiros do TCE, apenas dois não foram presos. A deputada de oposição Zeidam está colhendo assinaturas para a abertura de uma CPI contra Jorge Picciani.

*Informações do repórter Rodrigo Viga