‘É absurda uma lei que derramava milhões de reais para artistas consagrados nas gestões petistas’, diz Ana Paula

Bolsonaro rebateu críticas de Ivete Sangalo e José de Abreu; programa Os Pingos Nos Is comentou

  • Por Jovem Pan
  • 05/01/2022 19h38
Reprodução/Instagram/ivetesangalo/21.06.2021 Ivete Sangalo rindo Vídeo de Ivete Sangalo puxando coro contra Bolsonaro circula nas redes sociais

O presidente Jair Bolsonaro (PL) rebateu nesta quarta-feira, 5, a cantora Ivete Sangalo e o ator José de Abreu. O mandatário afirmou que recebeu críticas dos artistas porque “acabou a teta gorda” deles após cortes na Lei Rouanet. “Estamos mexendo na Lei Rouanet. Quando entrei no governo, o limite para artistas era de R$ 10 milhões por ano. Eu passei imediatamente para R$ 1 milhão. Estou conversando com o Mario Frias e vamos passar, nos próximos dias, para R$ 500 mil. Queremos atender àquele artista que está começando a carreira, e não figurões ou figuronas como a querida Ivete Sangalo”, declarou. “Ela está chateada, o Zé de Abreu está chateado porque acabou aquela teta gorda deles, de pegar até R$ 10 milhões da Lei Rouanet e defender o presidente de plantão. Não quero que me defendam, quero que falem a verdade a meu respeito”, completou.

Ana Paula Henkel, comentarista do programa “Os Pingos Nos Is“, da Jovem Pan News, criticou o uso da Lei Rouanet durante os governos petistas. “É um absurdo uma lei que nas administrações petistas derramava milhões de reais para artistas consagrados. Se o artista é consagrado ele pode muito bem ter sua renda na venda de direitos autorais, shows e bilheterias”, opinou. Ana Paula disse ainda que muitos atletas também passaram a criticar o governo durante a gestão de Bolsonaro. “Não é só uma premissa da cultura. Muitos atletas que tinham uma linha com os governos petistas, que tinham ONGs que recebiam recursos federais das administra coes Lula e Dilma, também criticam 24 horas por dia a administração do presidente Jair Bolsonaro. A gente sabe muito bem o porquê. A teta também secou para o esporte”, ressaltou. 

Assista ao programa Os Pingos Nos Is desta quarta-feira, 5, na íntegra: