Fiuza: Se essa retórica fantasiada de Justiça continuar a avançar sobre direitos, a população vai se revoltar

A PF prendeu nesta sexta-feira, 3, o blogueiro bolsonarista Wellington Macedo de Souza; programa ‘Os Pingos Nos Is’ comentou a decisão

  • Por Jovem Pan
  • 03/09/2021 20h20
Nelson Jr./SCO/STF Moraes determinou prisão de blogueiro a pedido da PGR

A Polícia Federal (PF) prendeu nesta sexta-feira, 3, o blogueiro bolsonarista Wellington Macedo de Souza, investigado por suposto envolvimento na organização dos atos convocados para o 7 de setembro. A medida foi cumprida após determinação do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), que atendeu a um pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR). “A medida, cumprida em Brasília, tem o objetivo de aprofundar investigações em curso nos autos de inquérito que tramita naquela Corte”, diz nota da PF. De acordo com a PGR, o blogueiro é um dos responsáveis pela convocação e divulgação do “ato violento e antidemocrático” previsto para o feriado do Dia da Independência do Brasil.

Guilherme Fiuza, comentarista do programa “Os Pingos Nos Is“, da Jovem Pan, afirmou que a PGR e a Polícia Federal estão dando operacionalidade ao “núcleo de juízo total instalado dentro do STF”. “O STF provoca e se faz de vítima. Quando ele se faz de vítima, ele se coloca como a encarnação da democracia. Essa resistência cenográfica montou essa historia, nós estamos diante desse enredo, e não vai sair daí se alguma coisa diferente não acontecer”, opinou. “Se esse impasse prevalecer, se essa retórica fantasiada de Justiça continuar avançando sobre direitos, aí a população vai se revoltar”, completou. 

Assista ao programa “Os Pingos Nos Is” desta sexta-feira, 3, na íntegra: