‘Fux critica judicialização excessiva, mas não a politização do Judiciário’, diz Ana Paula

Presidente do STF afirmou que a Corte só interfere em questões políticas quando é provocada; programa ‘Os Pingos Nos Is’ comentou

  • Por Jovem Pan
  • 14/09/2021 19h48
Dida Sampaio/Estadão ConteúdoLuiz Fux falou sobre judicialização da política

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, afirmou nesta terça-feira, 14, que a Corte só interfere em questões políticas quando é provocada. “Eu cada vez mais me conscientizo que a judicialização da política e das questões sociais é uma expressão absolutamente equivocada, porque a jurisdição não é uma função que possa se exercer de ofício, ela é uma função provocada”, afirmou o ministro durante um seminário online promovido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). “Toda vez que o STF interfere numa questão política, a realidade é que os políticos provocam a judicialização porque na arena própria não conseguem fazer vencer as suas pretensões”, completou.

Ana Paula Henkel, comentarista do programa “Os Pingos Nos Is“, da Jovem Pan, afirmou que ainda espera uma crítica dos ministros do STF sobre a politização do Judiciário. “Fux critica a judicialização excessiva, mas não a politização do Judiciário”, disse. “Os nossos ‘iluministros’ adoram estar no centro do palco, com as luzes todas ligadas, vão às redes sociais e dão indiretas. Quando o ministro Fux sentou na cadeira da Presidência, o discurso dele foi interessante. Ele disse que era preciso ser um pouco mais discreto, e nós tivemos um pouco de esperança, mas vimos que é mais do mesmo”, completou. 

Assista ao programa Os Pingos Nos Is desta terça-feira, 14, na íntegra: