‘Partido mais corrupto do Brasil tentou distorcer o discurso de um líder de todas as maneiras’, diz Ana Paula

Comentaristas do programa ‘Os Pingos Nos Is’ analisaram discurso do presidente Jair Bolsonaro na Assembleia-Geral da ONU; confira

  • Por Jovem Pan
  • 21/09/2021 18h53 - Atualizado em 21/09/2021 20h10
EFE/TIMOTHY A. CLARY / POOLPresidente discursou na Assembleia-Geral da ONU

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) fez o discurso de abertura na 76ª Assembleia-Geral da Organização das Nações Unidas (ONU) nesta terça-feira, 21. O chefe do Executivo se posicionou a favor da vacinação contra a Covid-19, defendeu o tratamento precoce e criticou o passaporte da vacina. O representante também exaltou medidas do governo na pandemia, como o auxílio emergencial. Em seu pronunciamento, Bolsonaro ainda afirmou que sua gestão recuperou a credibilidade no exterior, falou sobre a política ambiental do governo e a redução do desmatamento na Amazônia.

Ana Paula Henkel, comentarista do programa “Os Pingos Nos Is“, da Jovem Pan, elogiou o o discurso do presidente Jair Bolsonaro e disse que a postura do mandatário foi de um “brasileiro orgulhoso”. Ela também falou sobre as criticas de parlamentares do PT ao pronunciamento do chefe do Executivo. “Hoje o partido mais corrupto da história do Brasil tentou distorcer de todas as maneiras o discurso de um estadista, de um líder”, afirmou. “O que eu vi no discurso do presidente Bolsonaro foi um brasileiro orgulhoso, vendendo o Brasil como uma nação decidida a construir um futuro melhor”, opinou Ana Paula. 

Assista ao programa “Os Pingos Nos Is” desta terça-feira, 21, na íntegra: