"Comida não pode ser um artigo de luxo", afirma o chef Henrique Fogaça

  • Por Jovem Pan
  • 10/10/2014 14h01
Nathália Rodrigues/Jovem Pan

Nascido em Piracicaba, Henrique Fogaça, apresentador do Master Chef, exibido pela Band, passou por Ribeirão Preto antes de se fixar em São Paulo. Na capital paulista, começou a se interessar por gastronomia ainda aos 22 anos quando, ao morar sozinho, tinha que pedir receitas para a mãe e a avó.

Henrique já trabalhou em banco e aproveitava a situação para exibir seus dotes culinários. “Eu estava trabalhando em um bando, na Avenida Paulista, quando comecei a fazer comida em casa e levar para o pessoal. Depois comecei a fazer hambúrguer em casa e vendia numa Kombi na Augusta.”

Os ingredientes atrativos para ser bem-sucedido na cozinha, segundo o chef, são a manutenção do padrão de qualidade e a técnica de cozimento. Por isso, ele afirma que existem muitos jovens saindo da faculdade de gastronomia e confiando erroneamente que já podem ser chefs de cozinha. “Está errado. Para ser chef, demora, requer tempo de experiência”, explicou.

Eleito pela revista Veja como revelação na cozinha e dono do restaurante Sal Gastronomia, Henrique é famoso pela sua tradicional carne de porco, considerada pelo jornal O Estado de São Paulo como a melhor da capital paulista.

Sobre o programa ele conta que foi um dos primeiros chefs a ser convidado para integrar o time. “No ano passado, a Band entrou em contato comigo me convidando, gravamos um piloto, depois me ligaram confirmando que eu era o primeiro a ser escolhido para ser jurado.”

Henrique contou que também tem sua própria iniciativa quando o assunto é food truck, comidas de ruas que ganharam força em São Paulo. “A comida não pode ser vista como um artigo de luxo. Todos devem ter acesso. No meu restaurante, eu sempre tento fazer um preço justo”, explicou o chef.

Poucos sabem, mas além de cozinhar, Henrique também canta e é vocalista de uma banda de heavy metal. “Funciona como uma válvula de escape para falar sobre política”, contou. Em breve, será lançado um novo disco de Henrique, gravado em 2009, e que está sendo remasterizado nos Estados Unidos.