Everaldo Marques e Rômulo Mendonça defendem "transmissões esportivas mais leves"

  • Por Jovem Pan
  • 21/02/2017 14h08
Johnny Drum/Jovem Pan

Everaldo Marques e Rômulo Mendonça são dois grandes nomes da narração esportiva na atualidade. Buscando levar humor para as suas transmissões, a dupla da ESPN criou diversos jargões que rapidamente entraram no gosto dos telespectadores e internautas brasileiros. Em entrevista ao Pânico desta terça-feira (21), os dois explicaram que achavam importante tirar um pouco do tom “engessado” das transmissões esportivas no Brasil.

“Eu gosto de fazer essa narração meio diferente. Fiz o vôlei no Rio 2016 e foi algo novo para mim. Quando o cara ia sacar eu falava: ‘aquela energia negativa gostosa’, por exemplo. A transmissão esportiva no país está engessada e rígida. É algo que eu sempre quis mudar se tivesse a oportunidade”, disse Mendonça.

Marques ressaltou a importância do avanço da tecnologia, que agora permite os fãs interagirem em tempo real com os narradores, principalmente numa transmissão de esportes americanos, que possuem diversos intervalos durante uma partida.

“A ESPN sempre contou com muita interação. As pessoas mandam muitas mensagens e elas interagem contigo. Em termos de engajamento, na NFL, é uma das melhores”, contou.

Nem só de piadinhas o trabalho de Rômulo e Everaldo é feito. Narrar jogos de beisebol, futebol americano e basquete exigem muito estudo por conta da dinâmica desses esportes, recheado de paradas durante as partidas. É necessário estudar muito para ter conteúdo e complementar os momentos em que o jogo estiver pausado.

“O que dá mais trabalho é o futebol americano. A jogada tem cinco segundos e os outros 40 segundos não acontece absolutamente nada. Estudos seis horas de informações para três horas de transmissão. Um jogo de 60 minutos dura tudo isso”, comentou.

Lady Gaga ridícula!

Everaldo Marques criou uma polêmica sem intenção na transmissão do Super Bowl LI, que aconteceu no último dia 5 de fevereiro. Durante o show do intervalo comandado por Lady Gaga, o narrador soltou o seu famoso bordão “ridícula”, gerando revolta de fãs da cantora que não sabiam o real significado da palavra. “Palmas, palmas, palmas, o Tocantins inteiro para você, Lady Gaga. Você é ridícula”, falou Marques, que usa o termo como elogio.

Relembrando o caso, Everaldo e Rômulo brincaram com o ocorrido e ressaltaram esse sentimento de paixão que os brasileiros possuem por seus ídolos.

“Se eu tivesse falado lambisgoia eu teria sido morto pelos fãs da Gaga”, acrescentou Mendonça, aos risos. “Eu me assustei quando vi meu nome nos trending topic do Twitter. Um amigo me contou pelo celular que os fãs da Gaga estavam furiosos com ela por a ter chamado de ridícula. Tive que explicar no ar para desfazer o mal-entendido”, completou Marques.