Modelo vai doar parte do cachê à causa animal

  • Por Jovem Pan
  • 02/12/2014 13h51
Marina Ogawa/Jovem Pan

A modelo russa e capa da revista Playboy brasileira de dezembro, Lola Melnick revelou que parte do cachê que ganhará com a atividade será revertido em prol da causa animal. “Vai ter uma certa quantidade (enviada às entidades),  que não será repassada em dinheiro, mas em insumos veterinários”, reiterou sobre a ajuda.

Ela não divulgou, porém, o valor que será destinado alegando que há uma clausula contratual que a impede de divulgar o quanto recebeu. 

Participante de programas como Domingo Legal e Cante se Puder, ambos pelo SBT, Lola considera que sua carreira artística é um acidente. “Televisão não era um assunto da minha vida e jamais seria, aí meu pai faleceu e eu precisava trabalhar” comentou. Filha de diplomata, Lola estudava Direito e pensava também em ter a mesma profissão do progenitor. A loira, inclusive, é fluente em cinco línguas.

Nascida na Ucrânia, a também bailarina revelou é uma pessoa “extremamente difícil de  conquistar, poucos conseguem” e negou relacionamento com o cantor Falcão, de O Rappa, com quem já foi flagrada de mãos dadas.