Paulo Ricardo compara Sandy e Junior a ‘Friends’: ‘Não é só a música’

Em entrevista ao Pânico, Paulo Ricardo ainda descartou uma possível volta do RPM

  • Por Jovem Pan
  • 05/09/2019 14h20
Jovem PanPaulo Ricardo participou do Pânico nesta quinta-feira (5)

O cantor Paulo Ricardo comentou, em entrevista ao Pânico, nesta quinta-feira (5), a volta de Sandy e Junior aos palcos e a onda de nostalgia na música brasileira. Para ele, a dupla foi muito além da música. “Eles foram tipo ‘Friends‘”, disse, lembrando que os irmãos tiveram o próprio seriado na Globo nos anos 2000.

O músico explicou que a dupla representava um estilo de vida no fim dos anos 1990 e começo dos anos 2000 e, por isso, a volta aos palcos teve um sucesso tão grande. Ele ainda elogiou a forma como a turnê foi montada. “A turnê é um grande sucesso do ponto de vista profissional”, disse. “É uma experiência muito linda.”

Seguindo o movimento da nostalgia, Paulo Ricardo faz neste sábado (7) um show da turnê em comemoração dos 35 anos de “Rádio Pirata”, um dos clássicos do RPM, no Rio de Janeiro.

Apesar disso, ele descarta uma volta da banda. “As bandas acabam”, afirmou. “Banda é para durar enquanto você é brother do cara. É que nem grupo de amigos da faculdade”, explicou, sem se alongar no assunto. “Ficar falando de ex é muito chato.”

O cantor também lamentou a morte de Paulo Pagni, o P.A., que era baterista do grupo. “Ele era extremamente saudável e por conta disso exagerava um pouco”, disse sobre o colega de banda, que morreu em junho, vítima de insuficiência respiratória e broncopneumonia.