"Sempre fui a favor da família", revela Eri Johnson

  • Por Jovem Pan
  • 19/09/2014 14h03
Nathália Rodrigues/Jovem Pan

O ator Eri Johnson está em cartaz em São Paulo com o espetáculo Eri Pinta Johnson Borda, peça escrita pelo próprio ator no qual ele interpreta e conta um pouco da sua trajetória artística de uma maneira cômica.

No Programa Pânico desta sexta-feira (19), ele revelou que essa não é a primeira vez que a peça vem para a cidade. “Eu estou a fim de voltar a fazer Eri Pinta Johnson Borda porque as últimas apresentações foram casa cheia”. Apesar disso, houve algumas modificações no texto, mas “não muita coisa”, garante.

Eri Johnson é bastante conhecido no meio artístico pela fama de mulherengo, mas o ator contou que hoje já não é mais o mesmo. “Sempre fui a favor da família, mas eu sabia que uma hora ou outra isso [gostar de ser solteiro] ia passar”, e completa: “Na verdade, depois que meus pais faleceram eu perdi essa vontade [de casar]”.

O ator lembra rindo que o fato de ter mudado a atitude ainda choca bastante as pessoas: “Tem gente que eu falo que estou apaixonado e começa a chorar”.

Na infância, ele conta que seu pai era rígido e que isso não foi uma coisa ruim. “Tem essa coisa de ‘não bata, eduque’. Na minha opinião, se eu não estivesse tomado uns tapas do meu pai eu estaria tomando conta de uns três, quatro morros”, diz.

No cinema, o último trabalho do ator foi em 2008, no longa Sexo com Amor?. Ele afirma que não surgiram propostas para voltar a fazer cinema. “Eu faço muito teatro e para você fazer filme é preciso ter uma disponibilidade grande de tempo”.

Eri Pinta Johnson Borda

De 19 a 28 de setembro de 2014
Teatro J.Safra
Rua Josef Kryss, 318, Barra Funda. São Paulo – SP