“Ponderação começa a acontecer”, crê CEO da Câmara Americana de Comércio sobre Trump

  • Por Jovem Pan
  • 09/11/2016 10h36
Donald Trump - EFE

Em entrevista exclusiva ao Jornal da Manhã, a CEO da Amcham-Brasil (Câmara Americana de Comércio Brasil-Estados Unidos), Deborah Vieitas, minimizou as promessas de campanha de Donald Trump, eleito presidente dos Estados Unidos na madrugada desta quarta-feira (09).

“Eu acho que entre o discurso eleitoral, que foi bastante radicalizado, e a prática, precisamos aguardar um pouco para ver como isso se materializa”, disse a CEO da Câmara Americana no País. Para ela, o discurso do republicano na madrugada desta quarta mostra que “a ponderação começa a acontecer”.

Deborah Vieitas crê que a maioria no congresso vá garantir o controle dos excessor. “Entendo que questões americanas são bastante sólidas e, grande parte das medidas, terão que passar por aprovação do Congresso”, disse.

Embora majoritariamente republicano, dentro do próprio partido existe uma disposição para o livre comércio – um dos pontos criticados por Trump.

Sobre a forma como Donald Trump deverá governar, Deborah Vieitas avaliou que ainda é cedo para um cenário prospectivo. “O importante é saber o que muda para o Brasil. Temos uma relação sólida com os Estados Unidos. Temos que estimar que isso tenha continuidade e acho que para o Brasil é tratar dos nossos problemas de modo que a percepção do investidor estrangeiro mude”.

Confira a entrevista completa: