“Queremos uma democracia ordeira”, diz líder do DEM no Senado

  • Por Jovem Pan
  • 30/05/2017 08h23
Senador Ronaldo Caiado (DEM-GO) - ASENADO

Presente no Fórum Mitos & Fatos – Jovem Pan Discute a Alimentação do Futuro, o senador Ronaldo Caiado, líder do DEM no Senado, criticou as consequências da crise política que acarretaram em manifestações violentas em Brasília e defendeu a continuidade das reformas que tramitam no Congresso.

“Queremos uma democracia ordeira, responsável e que respeite as regras da maioria e que se curva a essas decisões nos momentos das votações”, disse.

Em relação ao episódio da semana passada, quando protestos realizaram um quebra-quebra na Esplanada dos Ministérios, Caiado caracterizou como “clima de terrorismo” e disse que a população brasileira não deseja ver o País caminhando para uma Venezuela.

Sobre as reformas, o senador destacou a reforma trabalhista, que deve ser votada nesta terça-feira (30), na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado. “Temos demonstrado a capacidade do Congresso em poder separar as duas situações”, disse referindo-se à reformas e à crise política.

“Nunca vimos tantos sucessivos escândalos. Mas ao mesmo tempo sabemos da nossa responsabilidade de levar adiante as reformas”, completou.

Confira a entrevista completa: