Torquato Jardim no ministério da Justiça: Risco para a Lava Jato?

  • Por Jovem Pan
  • 29/05/2017 19h53
Torquato Jardim - Ag Brasil

O presidente Michel Temer decidiu substituir Osmar Serraglio por Torquato Jardim no comando do Ministério da Justiça. O novo chefe da pasta, entretanto, tem sido bastante crítico à força-tarefa da operação Lava Jato. Alvo de inquérito autorizado pelo Supremo Tribunal Federal, Temer é amigo de Torquato Jardim há mais de 30 anos.

-No 3 em 1 desta segunda-feira (29), Vera Magalhães, Carlos Andreazza e Marcelo Madureira discutiram sobre a vertente ideológica do novo ministro da Justiça e o possível posicionamento contrário à Operação Lava Jato, já que Torquato Jardim, a partir de agora, tem poderes sobre a Polícia Federal.

Vera apontou que esses movimentos repentinos levam ao pensamento de que existe algo para frear a força-tarefa. Ela lembrou também da conversa em que Aécio Neves falou para o dono da JBS, Joesley Batista, que Osmar Serraglio deveria cair do ministério da Justiça. 

Andreazza ressaltou que Serraglio é fraco e foi indicado à pasta como última opção. Ele destacou que a indicação de Torquato Jardim mostra que a pasta será politizada. 

Madureira afirmou que não há interesse na continuidade da Lava Jato, e sim no prosseguimento da corrupção. 

Confira o debate completo no 3 em 1: