Hollande lamenta morte de Bianchi e presta homenagem ao piloto francês

  • Por Agencia EFE
  • 18/07/2015 08h46

Paris, 18 jul (EFE).- O presidente da França, François Hollande, prestou uma homenagem ao piloto de Fórmula 1 Jules Bianchi, morto na noite de sexta-feira aos 25 anos em um hospital de Nice onde estava internado após o acidente que sofreu no Grande Prêmio do Japão, em outubro do ano passado.

“O esporte automobilístico francês perde com ele uma de suas maiores promessas”, ressaltou Hollande em comunicado divulgado pelo Palácio do Eliseu.

Hollande transmitiu seus pêsames aos parentes e amigos do piloto e disse que ficou “muito emocionado” com a morte de Bianchi.

“Após um terrível acidente e nove meses de uma luta impetuosa, morreu na noite passada aos 25 anos de idade”, comentou o presidente francês.

Jules Bianchi havia sido transferido ao hospital universitário de Nice após ser inicialmente internado no Japão depois do acidente com um guindaste que retirava a Sauber do alemão Adrian Sutil da área de escape no circuito de Suzuka no dia 5 de outubro de 2014. EFE