Brasília está em férias e só deve funcionar após o feriado

  • Por Jovem Pan
  • 01/09/2017 10h28
BRA100. BRASILIA (BRASIL), 12/04/2017 - Vista del Pleno del Senado Federal vacío hoy, miércoles 12 abril de 2017, en Brasilia (Brasil). Las investigaciones autorizadas por supuesta corrupción contra ocho ministros y decenas de legisladores de 14 partidos abrieron hoy otra fase de la aguda crisis política brasileña y dejaron contra la pared al Gobierno de Michel Temer. Además de ocho ministros y decenas de parlamentarios, en la lista de sospechosos están 12 de los 27 gobernadores del país y los cinco expresidentes brasileños vivos: José Sarney (1985-1990), Fernando Collor de Mello (1990-1992), Fernando Henrique Cardoso (1995-2002), Luiz Inácio Lula da Silva (2003-2010) y Dilma Rousseff (2011-2016). EFE/Joédson Alves EFE/Joédson Alves O argumento utilizado por congressistas é que eles estarão visitando suas bases eleitorais, diz Villa

Brasília está em férias e não deve funcionar na semana que vem por conta do feriado, retomando os trabalhos no dia 12 de setembro. O Congresso Nacional não vai ter quórum em nenhuma sessão. O argumento utilizado por congressistas é que eles estarão visitando suas bases eleitorais. O presidente e sua comitiva está na China. No Supremo Tribunal Federal também está tudo paralisado.

Assista ao comentário completo de Marco Antonio Villa: