Taipé registra o primeiro casal de mulheres após mudança de lei municipal

  • Por Agencia EFE
  • 23/06/2015 09h07

Taipé, 23 jun (EFE).- O governo de Taipé, capital de Taiwan, registrou nesta terça-feira o primeiro casal formado por duas mulheres, o que é interpretado na ilha como um primeiro passo rumo à legalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo.

As duas mulheres, Chen Ling e Lu Hsin-chieh, registraram a união e também sua residência comum, o que não equivale ao reconhecimento de sua relação como casamento, já que o casamento entre pessoas do mesmo sexo ainda não está legalizado.

No dia 16 de junho, Taipé mudou sua legislação para permitir o registro de casais homossexuais, um mês depois que a cidade portuária e sulina de Kaohsiung adotou essa medida.

Os coletivos a favor dos direitos dos homossexuais reagiram favoravelmente a estas mudanças legislativas.

“Em Taiwan não há preconceitos ideológicos ou religiosos com relação ao casamento entre pessoas do mesmo sexo, a visão geral é pragmática e que cada um pode fazer o que quiser nesse âmbito”, disse à Agência Efe Jane Lu, uma lésbica que participa da campanha para legalizar o casamento entre homossexuais.

O candidato presidencial independente Shih Ming-teh anunciou, neste mesmo mês, que se for eleito, aprovará o casamento entre pessoas do mesmo sexo, e no recém-criado Partido Social Democrata, sua candidata, Lu Hsin-chieh, assegura que a sociedade espera esta medida. EFE

flp/ff