Anitta expõe conversa que teve com Leonardo DiCaprio sobre o Brasil, e Bolsonaro rebate

Cantora disse que ‘passou horas’ falando com o ator sobre a importância do jovem tirar o título de eleitor; presidente disse que concorda, mas enfatizou: ‘Também são maduros para responder pelos seus atos’

  • Por Jovem Pan
  • 04/05/2022 09h06 - Atualizado em 04/05/2022 11h22
Reprodução/Instagram/anitta/leonardodicaprio/jairmessiasbolsonaro Montagem com Anitta, Leonardo DiCaprio e Bolsonaro Anitta falou de conversa com Leonardo DiCaprio e Bolsonaro se posicionou

A cantora Anitta expôs nas redes sociais que durante o Met Gala, baile beneficente que aconteceu no Metropolitan Museum of Art, em Nova York, conversou com o ator Leonardo DiCaprio sobre a importância dos jovens votarem na eleição presidencial que acontece este ano no Brasil. “Passei horas com o DiCaprio falando sobre a importância dos jovens tirarem seu título de eleitor. Está na reta final. Vocês sabiam que ele sabe mais sobre a importância da nossa floresta Amazônica do que o presidente do Brasil? Pois sabe. Aí, papo vai papo vem… trocamos contato e ele se colocou a disposição pra eu pedir o que for necessário. Não levem para o mau sentido porque não tinha ninguém flertando com ninguém”, escreveu a cantora no Twitter. O presidente Jair Bolsonaro, que já tinha respondido tweets do protagonista de “Não Olhe para Cima” sobre preservação ambiental, rebateu a publicação de Anitta. 

“Fico feliz que tenha falado com um ator de Hollywood, Anitta, é o sonho de todo adolescente. Eu converso com milhares de brasileiros todos os dias. Não são famosos, mas são a bússola para nossas decisões, pois ninguém defende e sabe mais sobre o Brasil do que seu próprio povo”, afirmou Bolsonaro. “Justamente por sabermos da importância da natureza que Deus nos deu, em especial da nossa Amazônia, temos a matriz energética mais limpa entre os países do G20 e mantemos mais de 60% da nossa vegetação nativa intacta. Ninguém preserva mais que nós! Talvez o Leo não saiba disso.”

Bolsonaro disse que concorda sobre “incluir os jovens nas decisões dos rumos do país”, mas acrescentou que os artistas também deveriam concordar que “aqueles que escolhem o caminho do mal, do homicídio, do estupro, também são maduros para responder pelos seus atos. Grandes poderes, grandes responsabilidades”. Por fim, o presidente fez uma provocação ao astro de Hollywood: “Espero que a Anitta tenha aproveitado a oportunidade para aconselhar Leo a abrir mão de seus jatinhos e iate. Esses veículos soltam mais CO2 na atmosfera em um dia do que dezenas de famílias brasileiras em um mês. Antes de sair dando lição, é preciso dar o exemplo”.