Ex-advogado de R. Kelly diz que o rapper era ‘culpado demais’ em julgamento de 2008

  • Por Jovem Pan
  • 09/03/2019 14h39
Reprodução/FacebookR. Kelly está envolvido em investigação por abuso sexual

A vida judicial turbulenta de R. Kelly ganhou novo capítulo. Ed Genson, advogado de defesa do rapper em julgamento de 2008, quebrou seu silêncio sobre o processo, que acusava Kelly de pornografia infantil. Na ocasião, o cantor foi absolvido.

Em entrevista ao Chicago Sun-Times, Genson afirmou: ‘Ele era culpado demais. Eu não acho que ele fez algo inapropriado por anos. Vou te contar um segredo – eu fiz ele ir a um médico para receber injeções para conter a libido. Por isso ele não foi preso por mais nada”.

O advogado justificou sua quebra de sigilo com seu ex-cliente dizendo que está morrendo de câncer e, por isso, “pode falar o que quiser, desde que seja rápido”.

Na quarta-feira (6), Kelly foi preso novamente por não pagar pensão para seu filho com a ex-mulher. Ele já havia sido preso há uma semana, mas pagou fiança e estava em liberdade.

Ele também deu entrevista após série de acusações contra ele de abuso sexual, depois de um documentário trazer diversos depoimentos de supostas vítimas. Ele negou todas elas.