Jennifer Lopez cita Marvel para criticar falta de filmes com histórias humanas

Atriz também falou sobre a dificuldade de emplacar filmes protagonizados por mulheres

  • Por Jovem Pan
  • 11/09/2019 12h46
Reprodução/InstagramAtriz desabafou sobre falta de espaço para filmes sobre histórias humanas na indústria

A divulgação de “As Golpistas” continua fortíssima e, mesmo após encarar manifestantes no tapete vermelho em Toronto, Jennifer Lopez segue plena falando com a imprensa sobre o seu mais novo filme.

No último fim de semana, JLo conversou com a revista Variety sobre a dificuldade de emplacar filmes protagonizados por mulheres e deu uma alfinetada nas grandes franquias atuais, que dominam as bilheterias em todo o mundo.

“Antes de tudo, é difícil fazer um filme, ponto final. Tem que ser uma história da Marvel ou alguma coisa louca de franquia, mas os filmes sobre humanidade, pessoas e suas dificuldades, você não consegue tanto, a menos que faça isso por nada e sem orçamento”, desabafou.

“Quando você tem personagens femininas à frente, é uma batalha totalmente diferente. É uma nova camada e é difícil fazer [estes projetos].”

Exibido apenas em festivais até o momento, “As Golpistas” tem conquistado boas críticas e até expectativas de vermos Jennifer Lopez concorrendo ao Oscar.

Dirigido por Lorene Scafaria, o longa é baseado em uma história real de strippers que se juntam e têm como alvo figurões de Wall Street. A gangue é liderada por JLo e conta com Cardi B, Lizzo, Constance Wu, Lili Reinhart, Julia Stiles e Keke Palmer no elenco.

“As Golpistas” estreia dia 5 de dezembro nos cinemas.