Coachella 2020 é cancelado por causa da pandemia de coronavírus

  • Por Jovem Pan
  • 12/06/2020 10h32 - Atualizado em 12/06/2020 10h34
Reprodução/InstagramCoachella leva milhares de pessoas todos os anos

A organização do Coachella anunciou na última quarta-feira (10) que a edição deste ano do festival de música foi cancelada por causa da pandemia do novo coronavírus.

Em março, o evento tinha sido adiado de abril para outubro. As brasileiras Anitta e Pabllo Vittar  estavam no line-up, que tinha como destaque Rage Against the Machine, Travis Scott, Frank Ocean.

Mesmo faltando quatro meses para a data do evento, o Coachella foi cancelado porque as autoridades sanitárias dos Estados Unidos temem uma segunda onda do coronavírus no outono do hemisfério norte.

“Estou preocupado com as indicações de que a COVID-19 pode piorar no outono”, disse o agente de saúde pública do condado de Riverside, Cameron Kaiser.

“Além disso, eventos como Coachella e Stagecoach entrariam no Estágio 4 definido pelo governador (Gavin) Newsom, que afirmou anteriormente que exigiria a existência de tratamento ou vacina”, afirmou. “Dadas as circunstâncias e o potencial projetado, eu não me sentiria confortável em seguir em frente”, completou.

Em nota nas redes sociais, a organização do Coachella lamentou o cancelamento, mas informou que os ingressos de 2020 serão válidos para a edição do ano que vem. O Coachella 2021 acontecerá nos dias 9, 10, 11, 16, 17 e 18 de abril.