Cruzeiro derrota o Grêmio por 1 a 0 e sai da zona de rebaixamento do Brasileirão

  • Por Estadão Conteúdo
  • 01/10/2016 20h57
MG - BRASILEIRÃO/CRUZEIRO X GRÊMIO - ESPORTES - Henrique, do Cruzeiro, comemora após marcar gol em partida contra o Grêmio, válida pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro, no Estádio Mineirão, em Belo Horizonte, neste sábado. 01/10/2016 - Foto: GIAZI CAVALCANTE/CÓDIGO19/ESTADÃO CONTEÚDOHenrique comemora o gol que garantiu a vitória do Cruzeiro sobre o Grêmio

O técnico Renato Gaúcho venceu na estreia em seu retorno como técnico do Grêmio em casa, na rodada anterior, mas não teve a mesma sorte no primeiro jogo fora de casa. Em partida disputada no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, pela 28.ª rodada do Campeonato Brasileiro, neste sábado, o Cruzeiro bateu a equipe de Porto Alegre por 1 a 0 e deixou a zona de rebaixamento, mas precisa aguardar os jogos desta segunda-feira para confirmar a sua colocação na tabela de classificação.

O Cruzeiro não vencia uma partida há quatro rodadas e ocupava a 17.ª posição, a primeira na zona da degola, com 30 pontos. Com o resultado, foi a 33 e está fora da lista dos quatro últimos colocados. Já o Grêmio, com 40 pontos, caiu da oitava para a nona posição por conta da vitória do Botafogo sobre o Corinthians. Na partida anterior, a equipe de Porto Alegre venceu o Chapecoense na Arena Grêmio.

O goleiro Rafael livrou o time mineiro de levar gol logo aos dois minutos de jogo. Pedro Rocha recebeu cara a cara com o guarda-metas celeste, que fez a defesa depois de o jogador gremista adiantar demais a bola. O Grêmio chegou de novo aos 10. Após tabela com Wallace Oliveira, Luan entrou na área e chutou à esquerda do gol cruzeirense.

O time da casa teve a primeira chance aos 17 minutos. Rafael Sóbis cruzou da direita e Ábila bateu de voleio. O goleiro Bruno Grassi espalmou. Dois minutos depois, o mesmo Sóbis, aproveitando cruzamento da esquerda, cabeceou à direita do arqueiro gremista.

Edimar, cobrando falta, quase marcou para o Cruzeiro aos 35 minutos. Bruno Grassi salvou de novo, em ótima defesa. Em pressão do time da casa no final do primeiro tempo, o goleiro gremista evitou o gol mineiro, aos 40, em cabeçada para baixo de Bruno Rodrigo. Aos 42, Ábila, em condições de chute, abusou ao tentar dar lençol dentro da área em Wallace Oliveira e perdeu a chance de abrir o placar no Mineirão.

O segundo tempo começou um pouco mais fraco do que a etapa inicial. Muita movimentação de bola no meio de campo, mas sem tantas finalizações. Ramiro, aos 13 minutos, arriscou de fora da área, mas para fora, à direita do gol de Rafael. Dois minutos depois, Rafinha foi travado no momento do chute e a bola sobrou para Élber, que, próximo à pequena área, jogou para fora.

Aos 26 minutos, o gol do Cruzeiro. Élber cobrou escanteio pela direita rapidamente, Rafinha mandou rasteiro para a área e Henrique empurrou para as redes. Renato Gaúcho fez duas alterações depois do gol tentando reforçar o ataque. Guilherme no lugar de Kaio e Henrique no lugar de Douglas. Mas não adiantou.

Pela 29.ª rodada, o Cruzeiro volta a campo no próximo sábado contra a Ponte Preta, em partida marcada para as 21 horas, novamente no Mineirão. O Grêmio vai a Salvador antes, nesta quarta-feira, para enfrentar o Vitória. O jogo será na Arena Fonte Nova, às 19h30min.