Em recepção calorosa, Low agradece aos torcedores durante festa em Berlim

  • Por EFE
  • 15/07/2014 09h58
Seleção alemã faz festa com 500 mil torcedores em Berlim. Veja imagens

Assim como os jogadores recém-campeões da Copa do Mundo, o treinador da seleção alemã, Joachim Low, agradeceu a homenagem feita pelas centenas de milhares de torcedores que apoiaram e receberam a equipe no Portão de Brandemburgo, em Berlim, nesta terça-feira.

“Sem vocês não estaríamos aqui. Somos todos campeões do mundo”, afirmou diante do mar de pessoas que esperavam o desembarque dos ídolos desde cedo.

Por problemas técnicos antes de decolar no Rio de Janeiro, o avião da delegação alemã aterrissou com mais de uma hora de atraso no aeroporto de Tegel, de onde os integrantes saíram rumo ao centro da capital. Milhares de torcedores acompanharam os jogadores durante o percurso em um ônibus aberto, que avançou devagar pela cidade.

Após uma pausa para comer salsichões, Low subiu ao palco de 30 metros montado em frente ao Portão de Brandemburgo ao lado dos jogadores, vestidos com camisetas personalizadas com um número 1 impresso no peito.

“Isto é incrível”, repetia o emocionado capitão, Philipp Lahm, enquanto dançava e festejava, mesmo cansado, com a taça do Mundial entre os braços.

Com o recente título, somado aos de 1954, 1974 e 1990, a Alemanha se junta à Itália como tetracampeões mundiais, atrás apenas do Brasil, com cinco conquistas. Essa é a primeira vez que a comemoração é realizada no Portão de Brandemburgo, que voltou a ser a sede do governo e do Parlamento alemão em 1999.