Após derrotas em amistosos, Pia Sundhage vê ‘margem para melhora’ da seleção brasileira

Treinadora espera mudança no time para a disputa da Copa América, que começa dia 8 de julho

  • Por Jovem Pan
  • 28/06/2022 18h48
Lucas Figueiredo/CBF pia sundhage Pia Sundhage comentou sobre o desempenho da seleção na derrota para a Suécia

A técnica sueca Pia Sundhage disse em entrevista coletiva após o jogo entre Brasil e Suécia, desta terça-feira, 28, que a equipe tem uma ‘margem para melhora’ antes de começar a disputa da Copa América, no dia 9 de julho. “Enfrentamos um ótimo time e elas praticamente não criaram chances no primeiro tempo. A parte ruim é que não aproveitamos as chances. Acho que, emocionalmente, se fizéssemos um gol, mudaríamos o jogo. E é ruim que não conseguimos jogar os 90 minutos com alta intensidade”, analisou a treinadora. “Poderíamos estar um pouco melhor preparadas fisicamente, e isso será importante na Copa América. Para que façamos o melhor com as jogadoras que temos. Há margem para melhora. Acredito que teremos tempo o suficiente para nos preparamos para a Copa América”, ressaltou. O Brasil perdeu de 3 a 1 para a Suécia e 2 a 1 para a Dinamarca. No torneio de seleções está no Grupo B com Argentina, Peru, Uruguai e Venezuela.