Brasil passa fácil? Veja como estão os adversários da seleção na Copa do Mundo

Seleção reencontrará Suíça e Sérvia, adversários do último Mundial, além de Camarões, terceiro colocado da última Copa Africana de Nações

  • Por Jovem Pan
  • 01/04/2022 15h36 - Atualizado em 01/04/2022 17h18
EFE/Martín Alipaz seleção brasileira Seleção brasileira terá pela frente Sérvia, Suíça e Camarões na Copa

O Brasil conheceu nesta sexta-feira, 1º, os seus três adversários da primeira fase da Copa do Mundo de 2022, marcada para no final do ano, no Catar. Cabeça de chave do Grupo G, a seleção brasileira estreará no dia 24 de novembro contra a Sérvia. Depois, a Canarinho enfrenta a Suíça, pela segunda rodada, e finaliza sua participação nesta fase contra Camarões. Mas, afinal, a equipe treinada por Tite terá facilidade para avançar às oitavas de final? E como chegam os rivais dos brasileiros para o principal torneio entre nações? Abaixo, a Jovem Pan mostra o que o Brasil deve esperar.

SÉRVIA

Na Copa do Mundo de 2018, realizada na Rússia, a Sérvia também foi adversária do Brasil na primeira fase, mas não deu muito trabalho para os comandados por Tite. No duelo entre as seleções, a Canarinho venceu por 2 a 0 com tranquilidade, deixando os sérvios na terceira colocação, fora do mata-mata. Apesar disso, a Sérvia conseguiu sua vaga no Mundial do Catar com uma campanha praticamente perfeita. Nas Eliminatórias para o torneio do Catar, o time treinado por Dragan Stojković terminou na primeira posição da Chave A, colocando a seleção portuguesa, do astro Cristiano Ronaldo, na repescagem. Ao todo, foram oito vitórias, dois empates e nenhuma derrota na classificatória. Nos amistosos mais recentes, os resultados foram um triunfo diante da Hungria e um revés para a Dinamarca. O astro da equipe, sem dúvida nenhuma, é Dusan Tadic, camisa 10 e protagonista do Ajax. Outros nomes do país também chamam atenção, como os atacantes Dusan Vlahovic (Juventus), Jovic (Real Madrid) e Mitrovic (Fulham), além do meia Milinković-Savić (Lazio).

  • Campanha da Sérvia no ciclo da Copa do Mundo 2022: 20 vitórias, 13 empates e 6 derrotas

SUÍÇA

Segunda adversária do Brasil na próxima Copa do Mundo 2022, a Suíça também foi rival no último Mundial. Na ocasião, no entanto, a seleção verde e amarela sofreu com o “ferrolho” dos suíços e ficou no 0 a 0. Desde então, a equipe europeia passou por altos e baixos, mas deve chegar no Catar com uma certa dose de confiança. Isto porque, na Eurocopa do ano passado, o time de Murat Yakin fez bonito ao despachar a toda poderosa França nas oitavas de final e ser eliminada pela Espanha, nas quartas de final, na prorrogação. Já nas Eliminatórias, a Suíça terminou na primeira posição na chave da Itália, colecionado cinco vitórias e três empates – a “Azzurra”, na repescagem, acabou eliminada. Assim, mesmo sem contar com um grande craque no plantel, os suíços de Xhaka (Arsenal), Embolo (Borussia Monchengladbach), Shaqiri (Chicago Fire) e companhia devem complicar a vida brasileira.

  • Campanha da Suíça no ciclo da Copa do Mundo 2022: 19 vitórias, 13 empates e 10 derrotas

CAMARÕES

Fora do Mundial de 2018, Camarões fará sua oitava participação em Copa do Mundo no final deste ano. Tradicional na competição da Fifa, a seleção camaronesa vai extremamente animada para o Catar. Isto porque, nas Eliminatórias Africanas, o time de Rigobert Song perdeu para a Argélia na última fase, mas conquistou uma virada épica na volta, conseguindo a vaga último lance da prorrogação, fora de casa. Mesmo assim, Camarões chega com status de “patinho feio” do Grupo G, já que não possui um retrospecto tão consistente neste ciclo. Na Copa Africana de Nações deste ano, disputada em casa, por exemplo, a equipe caiu na semifinal para Egito e trocou de técnico na sequência. Sem viver o seu melhor momento, o país tem como principais nomes o goleiro Onana (Ajax), o atacante Chuopo-Moting (Bayern de Munique) e o centroavante Aboubakar (ex-Porto).

  • Campanha de Camarões no ciclo da Copa do Mundo 2022: 21 vitórias, 15 empates e 8 derrotas