Boselli vê Corinthians se adaptando ao estilo de Tiago Nunes e foca na Libertadores

  • Por Jovem Pan
  • 31/01/2020 15h45
Daniel Augusto Jr/Ag. CorinthiansMauro Boselli durante partida do Corinthians

Destaque do Corinthians neste início de temporada, o atacante Mauro Boselli concedeu entrevista coletiva, nesta sexta-feira (31), e falou sobre diversos assuntos, como a derrota para a Ponte Preta na quinta-feira (30), a expectativa para a Libertadores e a possível saída do meia-atacante Pedrinho, que está na mira do Benfica.

Quanto ao revés para o time campineiro, Boselli disse que o Timão poderia ter saído com o empate e afirmou que o grupo está se adaptando ao estilo de jogo de Tiago Nunes, treinador recém-contratado.

“Tiago falou disso no vestiário, serviu de aprendizagem pelo pouco tempo que temos para jogar os jogos da Libertadores. Primeiro tempo não foi bom, segundo foi muito bom. Não empatamos por mérito do goleiro, que fez boas defesas. Fizemos um bom segundo tempo, mas tivemos erros que definiram a partida”, afirmou.

No entendimento do centroavante, o Corinthians está em processo de evolução. A equipe, no entanto, não poderá dar mole para o Guaraní, do Paraguai, adversário da 2ª fase da Libertadores.

“Temos que saber conviver com isso, jogamos uma das partidas mais importantes do ano com seis partidas de início de ano, é pouco tempo de trabalho, mas não é desculpa. Temos que pensar primeiro no clássico, é importante ganhar em casa, depois tem esse jogo, metade de uma série, temos que seguir vivos para ir à fase de grupos da Libertadores. Não há desculpas, temos que pensar no melhor que podemos fazer. Mata-mata, temos que ganhar para passar”, opinou.

Para Boselli, o time tem que entrar completamente concentrado no jogo de ida contra os paraguaios, na próxima quarta-feira (5), fora de casa, no estádio La Nueva Olla.

“Competição dura, temos objetivo de entrar na fase de grupos, temos que passar do Guaraní, temos que ter em mente esse jogo, deixar o pouco tempo de trabalho de lado, pensar no estilo dentro e fora de casa, e sem margem de erro. temos que ganhar para passar. Está muito claro”, declarou.

Na coletiva, Boselli também foi questionado sobre como avaliava a situação de Pedrinho, jogador que pode deixar o Alvinegro ainda nesta sexta-feira.

“São suposições, até que não esteja assinado no papel não se pode falar. Pedrinho está pronto para o salto para a Europa, e o Benfica é um clube bom, passar por um clube médio para chegar a um grande. Todos os jovens querem jogar fora, mas se perdermos um jogador desta qualidade, o time vai sentir, mas chegará outro com a mesma gana para fazer as coisas bem. Esperar as situações para falar”, disse.

Antes da partida válida pela Libertadores, o Corinthians encara o Santos, no domingo (2), na Arena, em confronto válido pela quarta rodada do Campeonato Paulista.