Torcedores do Corinthians tentam invadir hotel em Maceió após nova derrota

  • Por Jovem Pan
  • 31/10/2019 10h54
EFE/José JácomeCorinthians está em crise após sequência negativa

Torcedores tentaram invadir o hotel do Corinthians em Maceió horas após a derrota para o CSA por 2 a 1, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro. Em São Paulo, os muros do Parque São Jorge foram pichados, com mensagens cobrando jogadores e diretoria pela sequência de sete jogos sem vitória e pedindo a saída do técnico Fábio Carille.

Na capital alagoana, cerca de 30 torcedores foram contidos pelos seguranças do clube em frente ao hotel. Eles protestavam contra o fraco desempenho da equipe e chegaram a arremessar grades de proteção contra o vidro da fachada para forçar a entrada. Ninguém se feriu. A confusão começou quando o policiamento que fez a escolta do ônibus foi embora.

Já o desembarque dos jogadores aconteceu sem problemas. Havia poucos torcedores no momento, que cobraram raça de jogadores como Gil, Fagner e Danilo Avelar.

A delegação volta nesta quinta-feira para São Paulo e a diretoria prepara forte esquema de segurança desde a saída de Maceió até a chegada ao Centro de Treinamento Joaquim Grava, onde os atletas farão treino regenerativo.

O Corinthians enfrenta a pior sequência sem vitórias desde que Fábio Carille assumiu o time pela primeira vez, em 2017. São sete partidas no total. O estopim da crise aconteceu após a derrota por 2 a 1 para o CSA, clube que está na zona de rebaixamento no Campeonato Brasileiro. O time volta a campo no domingo para enfrentar o líder Flamengo no Maracanã na tentativa de retomar um lugar no G-6 da competição.

*Com informações do Estadão Conteúdo