Em jogo recheado de confusões, Fluminense vence o Flamengo pelo Carioca

No primeiro clássico entre as equipes em 2022, não faltaram polêmicas, seja devido às confusões protagonizadas pelos atletas ou pelas decisões da arbitragem

  • Por Jovem Pan
  • 06/02/2022 18h35 - Atualizado em 06/02/2022 18h39
MARCELLO DIAS/DIA ESPORTIVO/ESTADÃO CONTEÚDO Fluminense venceu o Flamengo no primeiro Fla-Fu de 2022 Fluminense venceu o Flamengo no primeiro Fla-Fu de 2022

O Fluminense venceu o Flamengo por 1 a 0, na tarde deste domingo, 6, no Nilton Santos, em confronto válido pelo Campeonato Carioca. No primeiro clássico entre as equipes em 2022, não faltaram polêmicas, seja devido às confusões protagonizadas pelos atletas ou pelas decisões da arbitragem. No fim, melhor para o Tricolor das Laranjeiras, que ganhou a partida com gol de Arias, já aos 43 minutos do segundo tempo. Quem também se destacou entre os comandados de Abel Braga foi o goleiro Marcos Felipe, responsável por praticas ótimas defesas e garantir o resultado para o Flu.

Na estreia de Paulo Souza em clássicos, o Flamengo começou melhor até os 20 minutos de jogo, tendo mais posse de bola e domínio nas ações. Na metade final do primeiro tempo, no entanto, o Fluminense equilibrou o embate, subindo as linhas e impedindo os avanços dos rubro-negros. As melhores chances da etapa saíram dos pés de Gabigol, que perdeu ótima chance, e de Willian, que fez o goleiro Hugo praticar um milagre. Além disso, um bate boca entre os meio-campistas Diego Ribas e Felipe Melo marcaram os melhores momentos – o Pitbull chegou a dizer para o atleta do Fla que ele era “seu vice”, lembrando a final da Libertadores da América do ano passado, quando o Palmeiras ganhou dos cariocas. Na época, Felipe Melo defendida o Alviverde.

Já no segundo tempo, a torcida flamenguista chegou a comemorar aos 27 minutos, quando Gabriel Barbosa balançou a rede após um desvio de Léo Pereira. Com o auxílio do VAR, entretanto, a arbitragem anulou o gol, deixando o Flamengo irritado. Sete minutos depois, uma troca de farpas entre Vitinho e Calegari deixou os dois times com um a menos. Com a partida aberta, o Fluminense tirou o zero do placar com Arias, que cabeceou sem marcação após levantamento de Yago. Já no fim, Marcos Felipe parou Gabigol e Lazaro, assegurando o resultado favorável ao Fluminense.