Autoridades retomam buscas por avião com jogador argentino, mas seguem sem pistas

  • Por Jovem Pan
  • 23/01/2019 10h03
EFESala estava indo defender o Cardiff City

Autoridades do Canal da Mancha voltaram a fazer buscas nesta quarta-feira (23), mas ainda não encontraram qualquer sinal do avião que sumiu 2 dias antes e transportava o jogador argentino Emiliano Sala. A polícia local continua fazendo operações na região, mas já informou que não encontrou nenhuma pista por enquanto.

As buscas foram suspensas após o anoitecer de terça-feira (22). Pela manhã de quarta a polícia retomou os trabalhos e anunciou: “Dois aviões estão decolando e vamos procurar por uma área específica onde acreditamos que estamos mais propensos a encontrar algo, com base na análise das marés e do clima de quando o avião desapareceu”.

Depois a polícia atualizou a informação: “há atualmente três aviões e um helicóptero no ar. Estamos também revendo imagens de satélite e dados para ver se eles podem ajudar na busca. Até agora, nada flagrado pode ser atribuído ao avião desaparecido”.

Sala, de 28 anos, viajava com um piloto de Nantes (França) até Cardiff (País de Gales), mas a aeronave perdeu a comunicação no momento em que cruzavam o Canal da Mancha.

A operação de busca trabalha com quatro possibilidades: que o avião aterrissou em algum lugar e o piloto e Sala ainda não conseguiram contato; que o pequeno avião pousou no mar e os dois foram resgatados por um navio; que após um possível pouso na água tenham usado o bote salva vidas do avião; ou que a aeronave se destruiu ao cair no mar.

O jogador se comunicou com amigos antes do ocorrido, afirmando que estava com medo de viajar no pequeno avião, por conta das turbulências no voo anterior que fez de Cardiff para Nantes.

Com EFE