Mané: ‘Por que eu quero 10 Ferraris, 20 relógios e 2 aviões? Eu passei fome!’

  • Por Jovem Pan
  • 17/10/2019 10h52
RUI VIEIRA / EFEMané, atacante do Liverpool

Sadio Mané é atacante do Liverpool, atua em uma das ligas mais badaladas do planeta e foi eleito o quinto melhor futebolista do mundo pela Fifa, na última premiação do “The Best”. Tudo isso lhe rende muito dinheiro, mas que o senegalês não considera essencial. Em entrevista ao “Teledakar”, o jogador disse não fazer questão da sua fortuna e lembrou da sua infância humilde.

“Para que quero dez Ferraris, 20 relógios com diamante e dois aviões? O que faria isso pelo mundo? Eu passei fome, trabalhei no campo, joguei descalço e não fui ao colégio. Hoje posso ajudar as pessoas. Prefiro construir escolas e dar comida ou roupa às pessoas pobres”, afirmou Mané.

“Construí escolas, um estádio, proporcionamos roupa, sapatos e alimentos para pessoas em extremas pobreza. Além disso, dou 70 euros por mês a todas às pessoas em uma região muito pobre de Senegal para contribuir com sua economia familiar”, continuou.

Campeão da última edição da Liga dos Campeões, Mané tem contrato com os “Reds” até 2023 e é avaliado em 120 milhões de euros pelo site “Transfermakt”, site especializado no mercado do futebol.